Ignore seus pensamentos negativos

O ser humano tem em média 50 mil pensamentos por dia. Alguns deles são positivos e produtivos, mas muitos são negativos, aborrecidos, assustados, pessimistas, preocupados. Não há como não ter pensamentos negativos, com certeza você os terá, a questão é o que você vai optar por fazer com eles.

Na prática você só tem duas opções para lidar com seus pensamentos negativos. Pode analisá-os, poderá-los, estudá-los, pensa melhor, ou pode aprender a ignorá-los, afastá-los, não prestar atenção neles, não levá-los a sério.

Quando você tem um pensamento – qualquer pensamento – é isso que ele é, um pensamento! Pode magoá-lo sem que precise pedir seu consentimento para isto. Se você tem, por exemplo, um pensamento de algo que aconteceu no seu passado e dar atenção a isso, você criará um turbilhão interno. Se, em sua mente  der importância ao pensamento se convencerá que deveria realmente ser infeliz. Isso não quer dizer que não possa admitir que seu passado foi difícil, mas neste momento você tem uma escolha a respeito de quais pensamentos devem ser considerados relevantes.

A mesma dinâmica mental se aplica a pensamentos desta manhã, de cinco minutos atrás. Um problema que aconteceu há pouco tempo atrás agora é apenas um pensamento em sua mente. A mesma dinâmica se aplica a pensamentos futuros, como desta noite, próxima semana, ou daqui a dez anos. Você descobrirá, na maioria dos casos, que ao ignorar ou “esquecer” um pensamento negativo que ocupa sua mente, pensamentos pacíficos, subitamente, se aproximarão. E em um estado de mente mais pacífico, sua sabedoria e senso prático lhe dirão o que fazer. Esta estratégia exige prática, mas vale o esforço.

Fonte: Livro “Não faça tempestade e copo d’água (Richard  Carlson)