Livros

Posto aqui todos os livros que li, estou lendo e pretendo ler.

• De mal com o espelho: o transtorno dismórfico corporal

Para ver o índice, clique aqui.
Para ler um pouquinho sobre o 1º, 2º e 3º Capítulo clique aqui.
Para ler um trecho do Capítulo 4, clique aqui.
Para ler o Quadro Clínico do Capítulo 4, clique aqui.


• Imperfeitos, Livres & Felizes – Práticas de Auto Estima

Diante de inúmeras obras que prometem diferentes estratégias para elevar a auto-estima, Imperfeitos, livrese felizes se destaca pela severidade com que o psiquiatra Christophe André aborda o assunto. Nesta obra, o autor vai direto ao ponto: afinal, o que é auto-estima? Ao responder essa pergunta, Christophe André traça um caminho de conhecimento – e não de ações paliativas – sobre esse sentimento, revelando sua natureza, suas necessidades e sua essência, para que o leitor compreenda como construílo, repará-lo e protegê-lo. Leia um post que eu fiz sobre ele aqui e aqui.
Ótimo livro. Recomendo.

• Meu Corpo… Meu espelho. Aprenda a gostar mais de seu visual e de si mesm

O livro é dedicado àquelas mulheres que são muito críticas com a sua aparência, que sempre acham que o espelho e a balança estão sempre lhe “cobrando”. O livro ensina que se projetar em mitos de beleza significa deixar de lado a sua própria natureza, a sua alma. Dividido em 9 Capítulos: 1-Transformando a Aversão ao Corpo em Amor ao Corpo 2-Observando Seu Corpo 3-Confrontando Imagens: Passado e Presente 4-Questões de Peso 5-Em Movimento 6-Falando de Sensualidade 7-Questões de Idade 8-Maquiando e Recompondo 9-Assumindo a Imagem. Leia um post que fiz sobre ele aqui e aqui.

Ótimo livro. Recomendo.


Você Pode Ser Feliz Sem Ser Perfeita

Você é do tipo que não relaxa se a cozinha estiver desarrumada? Acredita que seus defeitos a impedem de construir relacionamentos gratificantes? Ou que seria mais feliz se conseguisse emagrecer, se fosse mais presente na vida de seus filhos ou tomasse decisões mais sábias? Definitivamente você não é perfeita. Mas sabe de uma coisa? Não precisa ser. Neste livro, a psicóloga Alice D. Domar mostra que você tem o poder de se libertar da tirania da perfeição e começar a valorizar o que está dando certo na sua vida. Do contrário, acabará estressada e cada vez mais insatisfeita.  Você aprenderá a lidar com sua limitações. A obra apresenta soluções concretas e conselhos práticos para você se livrar das amarras que a impedem de levar uma vida mais realizada e agradável.


• Apaixone-se por Você

Não seria maravilhoso olhar a vida através de ‘novas lentes’ e ver o que realmente o faria feliz? Este livro o convida a analisar, de uma forma agradável, como mudar crenças, sensações e comportamentos. Você irá descobrir o que o torna feliz, aprenderá a liberar situações de desconforto e como tratar de uma forma eficaz problemas do dia-a-dia, aprenderá a livrar-se de hábitos antigos e indesejados, desenvolverá uma auto-imagem positiva e assumirá o leme, desfrutando de sua vida integralmente.


O insustentável peso da feiura

Segundo a autora, “a necessidade de se adequar aos padrões está acabando com a autoestima dessas mulheres”. Se elas não se sentem esteticamente adequadas, chegam a reprimir sua sexualidade. “O resultado de tudo isso é que as doenças relacionadas à imagem emergem de forma violenta. O sujeito passa a ser o algoz do próprio corpo.”


• Diário de uma anoréxica

Valéria Soares, neste livro, conta a parte da doença que ninguém conhece; que ninguém quer falar: o que sente uma anoréxica. Dia a dia ela fala das internações, das reações da família, das recaídas, do sofrimento e da luta para vencer uma doença que é como um véu que cobre a pessoa e a isola do resto do mundo. Um livro franco, direto e muito interessante, sem a pretensão de salvar o mundo; mas mostrar um caminho que pode ajudar todas as pessoas envolvidas direta ou indiretamente com a anorexia. Leia mais aquiaqui aqui.

Li esse livro e não me agradou muito. Para as pessoas com anorexia pode ser interessante, mas com relação à dismorfia corporal tem pouca informação que pode ser aproveitada.


• Com que corpo eu vou?

O livro Com que corpo eu vou?, de Joana de Vilhena Novaes, procura entender como as mulheres brasileiras percebem, usam e se relacionam com seus corpos. O corpo humano deixou de ser apenas um cartão de visitas que nos apresenta. Ele também nos representa, para o bem e para o mal. Os temas abordados neste lançamento vêm atravessando os últimos quatro séculos, ressaltando ainda o valor simbólico do corpo, o que ele representa como capital e como, historicamente, a beleza sempre foi um valor. O envelhecimento e suas implicações na sexualidade feminina são também abordados no texto. Leia mais aqui.


• A beleza está nos olhos de quem vê

“Este é um tema que todos nós precisamos discutir sem medo, sem reservas e sem preconceitos. A beleza, da estética ao conteúdo, está nos olhos de quem interpreta, sente, vive. Camila entendeu que, para ser emocionalmente saudável numa sociedade doente, cada mulher deveria – assim como pratica andar, dirigir, usar computadores – treinar seu Eu para deixar de ser passiva, liberar suas habilidades para escrever sua própria história e sentir-se única, bela, inteligente, apesar de suas falhas e limitações.” – Augusto Cury. Quantas vezes você já se olhou no espelho e desejou que seu nariz fosse um pouco menor, que seus seios fossem mais volumosos, suas coxas, mais grossas e sua barriga, mais durinha? Provavelmente você acredita que, se esses desejos se tornassem realidade, seria mais feliz. No entanto, o que impede a sua felicidade não são esses “defeitos” que você enxerga em seu corpo, e sim a maneira como se sente em relação a eles.  O cruel padrão de beleza imposto pela sociedade tem envenenado a alma das mulheres, tornando-as demasiadamente críticas em relação à aparência. Como é impossível corresponder a esse modelo, elas se tornam vítimas de distúrbios alimentares e psíquicos na busca de um corpo perfeito, ou se transformam em pessoas inseguras e insatisfeitas.  Em A Beleza Está Nos Olhos de Quem Vê, a psicóloga Camila Cury vai ensiná-la a redefinir sua autoimagem e resgatar sua autoestima, ajudando-a a compreender que seu valor como pessoa está dentro de você – e não do lado de fora. Por meio de histórias de pessoas que conseguiram recuperar as rédeas de suas vidas depois de perceberem o mal que sua autoimagem negativa estava causando, este livro vai inspirar você a reencontrar a alegria de se olhar no espelho e a redescobrir o orgulho de ser quem você é. Leia mais aqui.

Livro ótimo, recomendo.


• A ditadura da beleza e a revolução das mulheres


Augusto Cury retrata neste livro o cotidiano de mulheres que sofrem caladas as conseqüências de uma cruel realidade do mundo moderno – a ditadura da beleza. Apoiando-se em sua vasta experiência como psiquiatra e pesquisador, Cury dá um grito de alerta contra essa forma de opressão que vem deixando mulheres, adolescentes e até crianças tristes, frustradas e doentes. Influenciadas pela mídia e preocupadas em corresponder aos inatingíveis padrões de beleza que são apresentados, milhares de mulheres mutilam sua auto-estima e seus corpos em busca da aceitação social e do desejo de se tornarem iguais às modelos que brilham nas passarelas, na TV e nas capas de revistas. Ao tratar de um tema tão atual, este livro faz com que o leitor se identifique imediatamente com os personagens e sua luta por uma vida mais plena e feliz, em que cada pessoa se sinta livre para ser o que é, sem se envergonhar de sua aparência ou tentar ser igual a ninguém. Uma vida em que todas as pessoas descubram que a verdadeira beleza está dentro de nós. Leia mais aqui.


• A vergonha

Leia aqui


A arte de viver bem com as imperfeições

Num mundo cada vez mais obcecado com as imagens da perfeição, este livro é o bálsamo daqueles que não querem se submeter a padrões e pretendem viver a vida sem se envergonhar do que são na sua essência. As belíssimas fotos de Erica Lennard ilustram as principais idéias do texto, conferindo harmonia e beleza ao livro. Leve e atraente, A Arte de Viver Bem com as Imperfeições é o presente perfeito para aquelas pessoas que não gostam de seus pequenos defeitos e vivem lutando contra eles.” Leia mais aqui e a Introdução.

Esse livro é pequeno, rápido de ler mas bem interessante!


• A lei do mais belo

Filósofos refletem sobre ‘ela’. Poetas de todos os tempos foram por ‘ela’ inspirados. Revistas pornográficas ‘a’ vendem. Indústria de cosméticos, o mundo da moda oferecem meios de ‘alcançá-la’. ‘Ela’, a beleza, captura ardilosamente corações, aprisiona mentes, atiça sentimentos variados. A psicóloga Nancy Etcoff apresenta neste livro divertido, inteligente e perspicaz aspectos da beleza que nossos olhos não vêem. Abordando de revolucionárias questões científicas à influência da mídia nos padrões de beleza, da irresistível sedução dos bebês às imagens construídas das ‘top models’, Etcoff nos traz reflexões originais sobre um tema que sempre ocupou a mente e os olhos do ser humano – a beleza. Leia mais aqui.


Manual para o Tratamento Cognitivo Comportamental

Autor: VICENTE E. CABALLO
Editora Santos
Número de páginas: 681
Para ler sobre ele clique aqui.


•  Os mistérios da vaidade humana

 Para ler sobre ele clique aqui.


Michael Jackson – a magia e a loucura (biografia)

O biografo J. Randy Taraborrelli esmiúça a trajetória do polêmico Michael Jackson desde a turbulenta infância, numa família numerosa de Gary, Indiana, até o auge do sucesso, revelando uma personalidade ao mesmo tempo sombria e sedenta de alegria, reclusa e desesperada por companhia, tímida e ávida por atenção, que acaba num abismo pela insistência em ser Peter Pan num mundo de fantasia, permanentemente cercado de garotos – seja nas turnês, em casa ou na cama. Taraborrelli mostra Michael incrivelmente frágil, numa história em que a fragilidade parece derrotar o talento. Leia mais aqui e aqui.


Feios

Em um mundo de extrema perfeição, ser normal é feio. Tally Youngblood é feia. Não, isso não significa que ela é alguma aberração da natureza. Não. Ela simplesmente ainda não completou 16 anos. Em Vila Feia, os adolescentes que completam 16 anos recebem um grande presente do governo: uma operação plástica. Suas feições são corrigidas à perfeição, a pele é trocada por outra, sem imperfeições. Aos 16 anos todos ficam perfeitos. Depois da operação, vai finalmente deixar Vila Feia e se mudar para Nova Perfeição, onde os perfeitos vivem. Tally então conhece Shay, uma feia que não está nem um pouco ansiosa para completar 16 anos. Pelo contrário: Shay pretende fugir dos limites da cidade e se juntar à Fumaça, um grupo de foras-da-lei que sobrevive retirando seu sustento da natureza. Para Tally, isso é uma maluquice. Quem iria querer ficar feio para sempre? Leia mais aqui.

Devorei as 416 páginas do livro esperando uma “moral da história” sobre a beleza mas não aconteceu. Esse livro não me agregou nada.


• A águia e a galinha


Este livro tem a finalidade de despertar o leitor para a necessidade de repensar a
vida de maneira global e a capacidade de impacto que temos sobre o mundo (tanto o impacto negativo quanto o positivo). Um dos pontos fundamentais da obra são as analogias feitas à física e à astronomia. Em síntese, ele apresenta a idéia de que tudo no mundo caminha para o equilíbrio, no entanto, o equilíbrio perfeito implicaria em autodestruição, que seria necessária para a existência de um estagio superior em relação ao anterior, o que leva à formação de sistemas mais complexos e com níveis de desenvolvimento cada vez maiores. Leia mais aqui.

 


• Ame a Você Mesmo e Permaneça Casado

Ao perceber que o seu casamento estava prestes a entrar para a estatística dos relacionamentos “falidos”, Eva-Maria Zurhorst decidiu que precisava cuidar de si mesma se quisesse salvar a sua relação. Partindo de uma experiência pessoal, a autora ensina que, seja qual for o problema de um relacionamento, o segredo está, antes de tudo, em amar a si mesmo. Neste best-seller internacional, o leitor encontra idéias e técnicas poderosas que o ajudarão a construir e cultivar o relacionamento ideal.


• Quando me amei de verdade


O sucesso  de ´Quando me Amei de Verdade´ nasceu por acaso. Kim McMillen escreveu num caderninho suas reflexões sobre a vida, e sua filha fez uma edição artesanal para presentear alguns parentes e amigos. O livro foi encantando as pessoas por transmitir, de forma simples, verdades importantes: nunca estamos sozinhos quando sabemos aproveitar nossa própria companhia e, para amar os outros, precisamos primeiro nos amar. Ele ensina que a felicidade está dentro de cada um de nós e que encontrá-la é mais fácil do que imaginamos.


• Reforma íntima sem martírio


A capacidade de administrar o mundo objetivo torna-se cada dia mais precisa e rica de tecnologia para melhor eficácia nos resultados. Todavia, a inabilidade na gerência do mundo íntimo é comprovada a todo instante pelos atestados de descontrole e insatisfação que o homem tem demonstrado em sua vida pessoal. Essas são reflexões de pacificação e estímulo na aceitação ativa da realidade com propósitos transformadores. Um alerta para os desejos de santificação imediata e saltos evolutivos. Esvaziar-se de si e recomeçar são palavras-chave no processual trabalho da renovação íntima. Este livro contribui para a auto-educação.


• Fênix – Renascendo das Cinzas


A obra aborda os aspectos humanos no tocante a sua capacidade de reação às adversidades. Cita exemplos, viaja pela história da humanidade. O contemporâneo de imediata identificação vincula o leitor ao momento presente. Nos leva a crer que o espírito humano é maior e mais poderoso do que a nossa crença pode permitir. O autor parte do princípio infinito de que enquanto há vida, há esperança e capacidade de combate diante das adversidades. As cinzas encobrem brasas que ao mais leve sopro de uma brisa revelam ‘monstros’ que ingenuamente acreditávamos terem virado cinza. Por essa razão, ‘Fênix’ fala das dores invisíveis. Leia mais aqui

Esse livro é ótimo. Fala da vida de pessoas que ralaram e conseguiram alcançar seus sonhos.  Recomendo.

—————————————————————————————-

Indico o site Estante Virtual para a compra de livros usados em bom estado por um preço mais em conta que nas livrarias. Eu compro por lá.

6 ideias sobre “Livros

  1. Esse teu trabalho de comentar sobre a dismorfia corporal, acho muito importante, pois pode
    ajudar muitas pessoas que vem sofrendo com os sintomas da referida doença e acredito que a maioria delas não sabem que tem e outros que identificaram, não sabem o caminho a seguir,
    para iniciar um tratamento adequado.
    Bom trabalho.

  2. Eu e mais 4 amigas estamos fazendo um TCC para o curso de Psicologia da Unip Sorocaba e adotamos a dismorfia corporal como tema. Adoramos as dicas de livros e também achamos muitos artigos interessantes sobre o tema.
    Um abraço !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *